Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

01
Set 10

 

Há dias, dei por mim a constatar que, se quisermos conhecer bem a nossa terra, temos que nos vestir de turistas...por dentro e por fora...

Nada como vestir roupa adequada, leve, solta, pés confortáveis, chapéu na cabeça e máquina pronta a disparar...

Se teimarmos em sair para explorações, com a farda do costume, não dá...há um bloqueio qualquer que nos inibe de ser livres e o preconceito fala mais alto: os nossos olhos não conseguem descobrir nada novo e há-de aparecer alguém conhecido que fica muito admirado se nos ver de máquina em punho, a fixar a estátua ou o passarinho...e pensa que não estamos bem, ou que nos deu um ataque de sensibilidade até agora desconhecido.

É verdade!

Pois desde que descobri que armar-me em turista, de verdade,  é muito mais gratificante...não quero outra coisa...

Isto para dizer que, em Agosto, fiz-me turista...em Coimbra, claro...

Não coloco todas as fotografias que fiz, pois prefiro mostrar um vídeo mais esclarecedor...

E aqui está o Mosteiro de Santa Clara-a-Velha.

Tenho por este lugar um sentimento muito especial.

Desde criança, habituei-me a vê-lo, afundado em água pantanosa e silvas, até ao 1º.andar!

Os estragos do tempo e das cheias do rio Mondego, atolaram-no durante séculos.

De facto, pouco tempo depois da sua construção, as bondosas freiras Clarissas (da ordem de Santa Clara de Assis), viram-se forçadas a construir outro convento (Santa Clara-a-Nova), mais elevado e que se vê, mesmo no alto da fotografia, a toda a largura.

Séculos passados, subsídios e boa vontade e anos de intenso trabalho, puseram a descoberto um dos locais onde também viveu a nossa Raínha Santa Isabel...

E o milagre aconteceu. Hoje é um Monumento de grande beleza.

Aberto há pouco mais de um ano, é um dos locais de visita obrigatória e um livro aberto da nossa História.

 

 

 

 

publicado por Belisa Vaio às 21:47

Achei muita graça quando dissestes "há-de aparecer alguém conhecido que fica muito admirado se nos ver de máquina em punho, a fixar a estátua ou o passarinho...e pensa que não estamos bem, ou que nos deu um ataque de sensibilidade até agora desconhecido", pois foi assim que me senti, quando, para fazer meu primeiro post no Intercambiando, me muni da máquina fotográfica e comecei a disparar em nossa Praça central, que havia sido entregue após a restauração....Nem todo mundo entende, que queremos ser turistas dentro de nossa própria cidade.
Mas, voltando a esta interessantíssima apresentação, Obrigado por nos mostrar parte tão importante de sua historia.
Bete do Intercambiando a 2 de Setembro de 2010 às 00:35

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
17
18

19
20
22
25

28
29


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
blogs SAPO