Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

30
Set 10

Em especial às amigas (os) de Portugal, que dizem, que o Português do Brasil é doce!

"METADE" interpretada por Oswaldo Montenegro!

 

Que a força do medo que tenho
Não me impeça de ver o que anseio

Que a morte de tudo em que acredito
Não me tape os ouvidos e a boca
Porque metade de mim é o que eu grito
Mas a outra metade é silêncio.

Que a música que ouço ao longe
Seja linda ainda que tristeza
Que a mulher que eu amo seja pra sempre amada
Mesmo que distante
Porque metade de mim é partida
Mas a outra metade é saudade.

Que as palavras que eu falo
Não sejam ouvidas como prece e nem repetidas com fervor
Apenas respeitadas
Como a única coisa que resta a um homem inundado de sentimentos
Porque metade de mim é o que ouço
Mas a outra metade é o que calo.

Que essa minha vontade de ir embora
Se transforme na calma e na paz que eu mereço
Que essa tensão que me corrói por dentro
Seja um dia recompensada
Porque metade de mim é o que eu penso mas a outra metade é um vulcão.

Que o medo da solidão se afaste, e que o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável.

Que o espelho reflita em meu rosto um doce sorriso
Que eu me lembro ter dado na infância
Por que metade de mim é a lembrança do que fui
A outra metade eu não sei.

Que não seja preciso mais do que uma simples alegria
Pra me fazer aquietar o espírito
E que o teu silêncio me fale cada vez mais
Porque metade de mim é abrigo
Mas a outra metade é cansaço.

Que a arte nos aponte uma resposta
Mesmo que ela não saiba
E que ninguém a tente complicar
Porque é preciso simplicidade pra fazê-la florescer
Porque metade de mim é platéia
E a outra metade é canção.

E que a minha loucura seja perdoada
Porque metade de mim é amor
E a outra metade também.

publicado por Bete do Intercambiando às 04:37

27
Set 10

[carta-de-amor_portugal_porreiro.jpg]

 

Cartas de Amor, são ridículas?...Claro que não!

Nunca o foram...

Mas quem tem tempo para as escrever hoje?

Quem tem tempo para pensar os afectos, os deixar poisar suavemente numa folha de papel e, depois, os colocar, amorosamente na caixa do correio, vendo-os partir a caminho do destino?

Isso é sonhar!

Mas hoje sonha-se? Não há tempo...

Tudo está pré-definido, pré-fabricado...codificado...

Poucos sentem o prazer imenso de escrever...à mão...

Pouco se sente o prazer de pensar...à mão...

Cartas de Amor, não são ridículas, são belas e sábias!

É preciso voltar a escrever Cartas de Amor e a Vida fará muito mais sentido...

publicado por Belisa Vaio às 08:08

26
Set 10

 

 

"Cada minuto que passa,pode ser tudo o que me resta a viver!...E eu  desperdiço o tempo, como se ele fosse infinito" !

 

Com esta frase, atribuída a Pedro Cassiano Aguilar, terminou, ontem a novela das 6,00 horas, na Rede Globo "Escrito nas Estrelas"!

 

Graças a ela, tive, ontem, em meu blog Intercâmbiando ( http://intercambiando.blogs.sapo.pt ) o meu maior índice de entradas, registrado até agora....E não foi pouca gente!

 

Claro, que o mérito é todo de Elizabeth Jhin, autora da novela, e da Rede Globo e toda sua equipe, pela excelente produção!

 

Mas, as pessoas que acederam ao blog, estavam, comprovadamente, a procura desta frase e de Pedro Cassiano Aguilar, como pude constatar pelas estatísticas do Geovisite.

 

 A frase é realmente muito significativa, mas fica aqui uma pergunta:

 

Porque tanto interesse exatamente, nesta frase?...Deve haver aí, algum significado!...Seria a vontade de saber mais sobre um assunto que realmente assola a humanidade: a brevidade da vida, o mau aproveitamento do tempo?...Seria o interesse em conhecer obras do suposto autor Pedro Cassiano de Aguilar?...

 

Sinto que as pessoas realmente estão buscando alguma coisa em que possam acreditar, que possam lhes dar direções e esperanças!!!!!

 

 DIA 27 DE NOVEMBRO DE 2010 : GENTE DÁ UMA OLHADINHA NOS COMENTÁRIOS, E VEJAM QUEM VEIO AQUI, HOJE!...NÃO ESTOU ME AGUENTANDO DE EMOÇÃO!...SERÁ ELE MESMO, OU ALGUÉM QUERENDO TIRAR UMA ONDA COMIGO?...SEJA LÁ QUEM FOR, SÓ PODE SER O AUTOR DESTA COISA MAIS LINDA QUE ELE NOS DEIXOU!

 

SEGUNDA-FEIRA, 29 DE NOVEMBRO DE 2010 - Parte do mistério esclarecido por Elizabeth Jihn, autora da novela:

 

http://sabedoriapopular.blogs.sapo.pt/27058.html

 

 

 

 OS PRINCIPAIS PROTAGONISTAS DA NOVELA: RICARDO AGUILAR, VIVIANE (VALENTINA, VITÓRIA  ) DANIEL AGUILAR

 

 

 

Como Ganhar Dinheiro na Internet
publicado por Bete do Intercambiando às 19:18

24
Set 10

 

 

Setembro está a chegar ao fim e, de repente, veio-me á memória o nome de um livro da minha adolescência: "Setembro...que grande mês".

Esse era um dos livros da colecção que contava a história da família do médico Ferreira de Macedo...O Pedro, a Ana, a Rosinha, o Paulo, etc, etc, etc...

Com eles aprendi e sonhei e ainda conservo carinhosamente alguns deles...a começar pelo que mostro...

 

Todos foram escritos pela saudosa D. Odette de Saint-Maurice.

 

Esta Senhora, dedicou a sua obra escrita à juventude e deliciou-nos também com alguns romances que passaram na antiga Emissora Nacional...

"A rapariga dos bosques"..."O apóstolo da juventude", entre outros, foram folhetins radiofónicos que ajudaram a lançar grandes actores dos nossos dias...estou a lembrar-me de Rui Mendes, João Perry, João Mota, Irene Cruz, Ana Zanatti, António Feio, e outros não menos importantes...

 

Sem retirar o mérito a autores mais contemporâneos, esta Senhora marcou profundamente a minha geração. A dos anos 60...

Pena que esteja tão esquecida. O nosso festejado 25 de Abri teve alguns excessos...e um deles foi esquecer-se deliberadamente dela.

Será que os nossos jovens editores a conhecem? Os "valores" que nos apresentou, são eternos e universais e não fazem mal a ninguém...

publicado por Belisa Vaio às 23:42

23
Set 10

Não tenho ido muito ao cinema, mas, com a temporada de "Nosso Lar" chegando ao fim, não poderia deixar de ir, para poder contar para minha amiga Belisa, que manifestou o desejo de ver o filme a alguns dias atrás em seu Blog  http://fenixia.blogs.sapo.pt/19416.html , pois parece que ainda não foi lançado aí em Portugal!

Chico Chavier psicografou 16 livros ditados pelo espírito do médico André Luiz, entre eles o Nosso Lar, que foi publicado pela primeira vez em Outubro de 1943, e que agora ganha as telas pelas mãos do diretor Wagner de Assis, e elenco bastante conhecido da teledramaturgia brasileira.

Não falarei aqui do enredo do filme, pois já tem material de sobra na Internet, só quero deixar registrado o grande sucesso que está sendo, de público e de crítica.

Não bastasse o assunto tão intrigante, da vida após a morte, ainda com uma trilha sonora das melhores.

Mas, há uma música em especial que me encantou, não por não conhecê-la, mas pela colocação oportuna em um momento peculiar do filme: "SONATA AO LUAR", de Bethoven. Não é o vídeo do filme, mas foi uma das melhores interpretações que encontrei no Youtube.

Também não preciso dizer que chorei o filme todo...Não é filme prá chorar, mas acredito que chorarão todos que já tiveram tido perdas  preciosas.

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 03:52

21
Set 10

http://www.jf-soure.pt/images/s_mateus_b.jpg

 

NÃO PEÇAS A MORTE A DEUS...NEM CHUVA PELO S. MATEUS

 

Cresci a ouvir este ditado popular...e muitos foram os anos em que choveu MESMO no dia 21 de Setembro...

No entanto...a tradição já não é  o que era...e este ano, por estes lados, nem ameaças...apenas sol e calor...

 

Outra ténue recordação que tenho, do S.Mateus de Soure era da grande romaria anual, que ainda se realiza, com a expressão de fé dos romeiros que vão pagar suas promessas.

E dizia-se que as que mais agradavam ao Santo eram as de coisas roubadas...como milho entre outras...

(Vou informar-me melhor e mais tarde actualizar este texto...)

 

Do que me lembro muito bem, é do Rancho Típico de Paleão, lugar próximo da Capela de S.Mateus, e que dançava e cantava no adro...

 

"Namorei duas cachopas

Na noite de S.Mateus...

Uma era da Redinha

A outra era de Tapeus..."

publicado por Belisa Vaio às 23:03

16
Set 10

Nossa amiga Maria, escreveu um post no seu blog   http://partilharavida.blogs.sapo.pt/30665.html sobre as mudanças nas escolas, nos ultimos anos, que me fez lembrar coisas pitorescas de alguns anos atrás, digamos, 48 anos, para sermos precisos...Coisas do cotidiano, que mudaram tanto,que até já parecem fazer parte da pré história!

Não direi que em todos os lares brasileiros foi desta forma, mas a televisão na minha casa, demorou um tempinho a chegar...

Mas, chegou primeiro, na casa da Célia do Juca, e da Tia Maria do Tio Tião.

O meu primeiro encontro com ela foi mesmo lá na Célia, para assistir aos desenhos do Walt Disney!...Foi puro encanto e amor à primeira vista...Imaginem que fascínio uma coisa dessas pode dispertar em uma criança que nem siquer sabia da sua existência!...Todas as tardes, todas as crianças da rua, em peso, iam prá casa da Célia  assistir televisão!...digo, Televizinho!

Em alguns sábados, meus pais, minha irmã e eu, tomávamos o ônibus e íamos prá Rio Claro, visitar os parentes, mas, à noite, o encontro de "todos eles", era mesmo na Casa da Tia Maria prá assistir aos "Astros do Disco", um programa  musical da Rede Record!

Acreditem, nesses eventos, nunca tinha menos de 12 pessoas!...Era quase uma festa!..Coitada da dona da casa, invadida em sua privacidade por uma legião voraz por alguns momentos de encantamento!

Quando íamos prá casa da minha avó,  é que a coisa ficava mais "radical"....Para o encontro no televizinho, iam meu avô, minha avó, meus pais, eu e minha irmã, e, pasmem, minha tia com o namorado, pois naquela época, nem pensar deixar filha sozinha em casa namorando!

Íamos todos para assistir à Luta Livre, que era a grande sensação....Todos apaixonados pelo Tigre, Ted Boy Marino, e outros...

Não sei se é prá rir ou chorar, mas juro, é tudo verdade!

...Mas, no fundo me delicio com a inocência e pureza de alma de todas estas pessoas, que jamais imaginavam que poderiam estar incomodando!...E também com a generosidade destas outras famílias, que acolhiam todos com alegria!...Ai de quem resolvesse faltar ao evento!..Logo vinha o grito por cima do muro: - Dona Maria, vai começar a Luta, corre!

Penso que não foi só o acesso às tecnologias que  mudou, mas houve também uma grande mudança de comportamento!...

Acho que é a  isso que chamamos  de Civilização!

 

ARTISTAS DA REDE RECORD, BRANCA RIBEIRO, BLOTA JUNIOR, RANDAL JULIANO,( ESTE O GALÃ DOS ASTROS DO DISCO) E DESCONHEÇO A ÚLTIMA

 

 

O FAMOSO E QUERIDÍSSIMO TED BOY MARINO

publicado por Bete do Intercambiando às 02:50

15
Set 10

 

 

Sabem o que é?

Pois, com estas mudanças bruscas de temperatura com que o mês de Setembro nos está a brindar, chega também a época do nariz entupido...

e o meu já vai dando um ar da sua graça...ou desgraça?...

Ora, para contrariar o desconforto, este ano,  vou prevenir-me atempadamente, para lhe fazer guerra...

E nada como deitar mão de produtos que tenham  dado provas no passado!!!

1º. - Ter à mão uma garrafinha com água do mar, colhida num daqueles passeios à beira-mar...

Algumas...poucas...gotinhas do precioso líquido, ajudam, e de que maneira, a respirar mais fundo...

2º. - Óleo Gomenolado. Bem, este era o "milagre" com que meu Pai me ajudava, quando era criança...

Uma cotonete, humedecida com o perfumado líquido, passada pelo interior das narinas e...chega o alívio...

Boas melhoras!

publicado por Belisa Vaio às 16:24

12
Set 10

Comi, e com perdão da palavra, lambi os beiços!

Não como sempre, pois não acho muito saudável, mas de vez em quando, é tudo de bom!

Na verdade, panceta, é a parte da barriga do porco, onde tem bastante gordura, e apenas um filete de carne. Mesmo aqui no Brasil, nem todos conhecem-na por este nome. Alguns chamam de barriga mesmo, outros de toucinho, mas Panceta, parece bem mais apetitosa, não acham?

...E por falar em toucinho, existe uma expressão, bastante interessante com a palavra: "Já comi toucinho com mais cabelo"!...Quer dizer: Já enfrentei desgraça maior que a que estou atravessando!.....Aqui é muito pouco usada esta expressão...Estou prá dizer que vem daí....O que vocês me dizem?

Ah!...O pior vocês não sabem!

Eu já havia acabado de comer e lembrei-me de vocês!...Não tive dúvidas: Arrumei um novo prato, para poder compartilhar!...Abraços carinhosos a todos!

 

publicado por Bete do Intercambiando às 21:01

10
Set 10

 

Na pequena cidade onde vivo as pessoas conhecem-se quase todas entre si...

Faço esta reflexão, porque uma amiga encontra-se doente e hospitalizada...

Não será nada de muito grave, mas tenho recebido testemunhos de muitas amigas e amigos, alguns que nem conheço, mas preocupados e querendo saber como vão as desejadas melhoras...

 

Faz sentido aquela antiga melodia popular que diz...

 

...Na minha aldeia

Não há ódio, mas estima...

Tem-se amor pela vida alheia,

Todos são primos e primas...

publicado por Belisa Vaio às 22:15

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
17
18

19
20
22
25

28
29


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
subscrever feeds
blogs SAPO