Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

26
Out 11

Para o interiorano paulista,  ir à São Paulo dirigindo, quando não se faz isso amiúde, é sempre uma mistura de frio na barriga e excitação, pois tudo aquilo é tão grande, tão repleto de ruas, avenidas, alamedas, travessas, praças, em meio a um turbilhão de automóveis, businas, semáforos, placas indicativas, e tudo tem que ser muito...muito rápido, porque, uma bobeada na direção a seguir, pode lhe causar uma série de transtornos.

 

 

Eu, confesso: já amei muito tudo isso!...Quando ia com mais frequência a trabalho, adorava e aproveitava para ver tudo que, naquela época, não tínhamos no interior: Grandes shoppings centers, lojas finas, feiras de utilidades domésticas, museus, feiras de decoração!

 

Hoje, felizmente, nosso interior também tem quase tudo do que tem lá, e a gente acaba ficando numa zona de conforto e não sente mais vontade de sair dela.

 

 

Mas, há que se tentar sair, para que não fiquemos presos em nossas próprias armadilhas!... E, depois que se vai, tem muita coisa que vale a pena.

 

Ver o Masp, na outra ponta da avenida Paulista, é uma delas

 

 

 

Os Outdoors,  que sempre dão a sensação de se estar na Metrópole

 

 

E, de repente, em um muro qualquer, uma Intervenção de um artista anônimo

 

 

 

Construções arrojadas, como o Instituto Tomie Otake

 

 

 

 Convivendo com construções de outros períodos da história da cidade, como a Pinacoteca do Estado

 

 

 

E, no meio do burburinho desta movimentação toda, de repente uma ruela, que parece ser de uma cidadezinha do interior. Esta está bem atrás do Masp, próxima a Av. Paulista.

 

 

Por hoje é só!...Tem tanto prá falar e mostrar que precisará muitos posts!

 

Continua lá no Intercambiando

publicado por Bete do Intercambiando às 00:28

17
Out 11

 

O que todos temíamos é mesmo verdade: o povo português está a atravessar um período que ficará na História pelos piores motivos: uma Crise económica, financeira, de valores, de cultura, de saúde, de educação...que sei eu?!...

Estamos sem palavras e sem respostas para tantas perguntas. Também me sinto confusa e atordoada! Quem não o está, com as medidas anunciadas por quem decide? Bem ou mal...a ver vamos! De que adianta apontar os políticos culpados? E nós...não teremos também vivido, na nossa economia doméstica, muito acima das nossas posses?  

Apenas temos a consciência de que estamos num beco sem saída e a solução é... dar a volta!

Manda o bom senso que não adianta entrar em pânico, embora saibamos que  "em casa onde não há pão, todos ralham e ninguém tem razão!".

Vem este tema a propósito de uma Boa Notícia que li, sobre a solidariedade que se está a desenvolver nas Universidades, transformando  as praxes académicas de início do ano escolar, em acções de recolha e partilha de bens, dentro e fora das escolas. 

Afinal a esperança num Mundo melhor continua viva e actuante e o exemplo dos nossos jovens pode também servir-nos de mote para transformar a "Crise" em algo muito produtivo, em termos de valores.

Não vamos precisar ir muito longe nem justificar a nossa inércia com distâncias relativas. Ao nosso lado, o nosso vizinho, está com certeza pior do que nós. Ou porque está desempregado, ou entrou em depressão, ou porque a família é grande e as contas muitas. Ou precisa da nossa atenção e tão somente de uma palavra de esperança.

Por norma costumamos ser muito sensíveis às desgraças alheias. Campanhas de solidariedade, com mais ou menos visibilidade, movem montanhas e muitas vezes ficam armazenadas em contentores de esquecimento.

Agora não vamos precisar de tanta publicidade. Vamos, sim, estar atentos à nossa volta e partilhar tudo o que nos for possível. Especialmente que, perto de nós,  ninguém passe fome. Porque já há muita fome escondida!

 

publicado por Belisa Vaio às 18:54

13
Out 11

Comemorou-se, hoje, aqui no Brasil, o dia de nossa padroeira, Nossa Senhora Aparecida.

 

O vídeo que posto, não é deste ano, já data de 2009, mas, é o que melhor retrata a comoção deste país, neste dia!

 

Imagem da Basílica de Nossa Senhora de Aparecida, Em Aparecida do Norte, São Paulo/Brasil

 

 

Mas, comemora-se também, o dia das crianças.

 

E, quem não pode ir até Aparecida do Norte para louvar  e agradecer, aproveitou o feriado para levar as crianças para passear

 

 

 

Grande movimentação de adultos e crianças no Parque Ecológico

 

 

E todos se encantando com a beleza do pavão, que resolveu dar o ar de sua graça

 

 

Outros preferiram apenas caminhar na paz  do Jardim Botânico

 

Ou apenas deitar na relva e descansar

 

 

Imagens do Parque Ecológico e Jardim Botânico de Americana/SP

 

publicado por Bete do Intercambiando às 04:42

09
Out 11
Roberto Carlos sempre nos encantou com as suas canções, ricas de afectos e emoções...
De um maravilhoso espectáculo que fez há pouco em Jerusalem, partilho este momento de celebração do AMOR em todas as suas cores...tão fundamental para viver a Vida com plenitude...
 
publicado por Belisa Vaio às 17:25

05
Out 11

Outubro chegou, e com ele, a Flor de Outubro, que é uma espécie da família das cactáceas, com folhas iguais às da Flor de Maio, porém com as flores um pouco diferentes.

 

 

FLOR DE OUTUBRO

 

 

FLOR DE MAIO

 

E à noite as flores de Outubro se fecham

 

Para voltarem no dia seguinte com todo seu esplendor

 

 

 

 

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 03:06

Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
27
28
29

30
31


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
subscrever feeds
blogs SAPO