Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

29
Jun 12

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje o Cristianismo festeja o dia de São Pedro e de São Paulo. No entanto , e não sei porquê, entre nós, só o apóstolo pescador se tornou um dos três santos populares. E lá porque Santo António abençoa os namorados e São João não lhe fica atrás, São Pedro fecha o cortejo com atribuições de mais responsabilidade! Damos-lhe o encargo de fazer chover, pedimos-lhe que um dia nos abra as portas do Céu e generoso como é,  ainda lhe sobra tempo para proteger os pescadores e as viúvas!

Reparo, entretanto que, dada a evolução dos tempos,  se ele vivesse agora,  seria também confrontado com a existência das divorciadas! Todas são filhas de Deus!

 

Posto isto e como parece que todos eles respondem ás "orações" bem humoradas das quadras populares, resolvi pôr a imaginação a trabalhar e tentar a minha sorte, dedicando estas ao porteiro do Céu...    

 

São Pedro, meu padroeiro

Trazes as chaves na mão.

Vê se encontras meu amor

Para abrir meu coração!

 

Solta-me da tua rede

São Pedro, que és pescador.

O meu coração está preso

E a sofrer por amor!

 

De pescadores e viúvas

És, São Pedro, protetor!

Olha que as divorciadas

Também querem um amor!

 

São Pedro se és meu amigo,

Fica aqui e faz chover.

Não vês que a minha fogueira,

Não pode ficar a arder?

 

 

publicado por Belisa Vaio às 07:41

23
Jun 12

 

 

Há pessoas que nascem com dons muito especiais. Não é novidade para ninguém.

Sempre admirei o meu Tio Ramiro de Oliveira, pela facilidade com que alinhava as palavras e nasciam lindas e brejeiras quadras populares. Recordo até que, nesta altura do ano de arraiais e fogueiras, não havia concurso de jornal que não ganhasse! 

Do imenso rol que se encontra nas páginas do seu livro "Pecados sem Remissão", deixo hoje aqui algumas,  dedicadas a São João:

 

S. João muito obrigado

Por tudo quanto vos devo!

Desde o anel de noivado...

Às folhinhas do meu trevo.

 

São João não quer que eu reze

Quando lhe falo em casar!...

Mas se eu não defendo a tese

Não me posso doutorar!

 

Fui tudo p'lo S.João!

Fogueira...chuva de prata!...

Andei no ar, fui balão!

Agora sou a cascata!

 

Não fossem as orvalhadas

Desta noite de fogueiras

E muitas mulheres casadas

Tinham ficado solteiras!

 

Não insistas que não posso

Ser só teu nas romarias!...

Há no Terço um Padre Nosso

Para dez Avé Marias!

 

S.João: diz com franqueza,

Se não é forte capricho

Veres tanta fogueira acesa

E ficares dentro do nicho!

 

Demos tanto...tanto espanto

Nas fogueiras, que uma vez

Por um milagre do Santo

Fomos dois...viemos três!

   

 

publicado por Belisa Vaio às 18:26

Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
30


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
subscrever feeds
blogs SAPO