Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

03
Set 12

 

 

Era esta o título de uma das obras de Odette de Saint-Maurice, dedicada às férias da família Macedo!

Como já disse em tempos, aqui, esta escritora marcou uma época, pelos valores que transmitiu na sua literatura juvenil, a uma geração de adolescentes a viver os anos dourados da década de 60...

Bons tempos os meus!

Agora e quando chega o mês de Setembro...vem-me sempre este título à mente...

Já o disse várias vezes...é o meu mês preferido...

O brilho do sol deixa de ser tão intenso, começa a nostalgia das primeiras folhas a cair - o que não é lá muito agradável para quem tem jardins - as cores começam a harmonizar-se em tons dourados para nos dar um dos espectáculos mais deslumbrantes que conheço, as madrugadas arrefecem e na hora mágica do entardecer o convite é para recolher ao aconchego do lar.

E voltam sempre as boas recordações das férias da minha meninice...

Setembro era "aquele" mês ...o mais desejado! Porquê? Porque em Julho e Agosto, nós, os jovens andávamos meio separados dos amigos, por força das férias da família na praia...ia-se para a Figueira, Mira, Costa Nova, Nazaré, S.Pedro de Moel, enfim...

Depois regressava-se ao aconchego do lar,  bem como aos amigos de sempre...mais aos que viviam em Lisboa e também vinham juntar-se a nós naquele mês, poisando em casa dos avós ou dos primos!  

As aulas começavam só em Outubro e aqueles dias aproveitavam-se bem a saborear a vida ainda despreocupada.

Talvez houvesse algumas tarefas escolares para preparar o ano lectivo, mas havia muito tempo para passeios de bicicleta, piqueniques, ler...ler...ler..., namorar e dançar ao som de pilhas de discos de vinil...lembram-se quando o disco riscava?...

E, lá pelo dia de São Mateus, chegadas as vindimas, toca a ajudar...não tanto pelo amor à tarefa - que deixava as mãos peganhentas de mosto -  mas pela alegria dos dias! E quem não gostava de dar uma volta no carro dos bois?

Ainda sinto o cheiro das maçãs vermelhinhas e dos peros bravo-esmolfe! As nossas vinhas tinham muitas árvores de fruto e nesses tempos a fruta cheirava tão bem!... Hoje...as nossas crianças não têm a felicidade de saber o que isso é...

Ainda há Setembro, mas os tempos são outros..

Melhores ou piores?

...cabe a cada um de nós vivê-los felizes!

publicado por Belisa Vaio às 19:58

Querida amiga
Pelo que vejo aí está começando o Outono, enquanto aqui prá nós, a Primavera é que está batendo à nossa porta...Aqui também é um dos melhores meses do ano, pois o Inverno já está indo embora, mas ainda não está muito calor como Dezembro e Janeiro, que a gente não vê a hora que passem, pois o nosso querido amigo Sol, aqui é de "rachar mamona".
Setembro é alegria e os jardins floridos, e, não sei porque, a mim particularmente sempre é um mês profícuo.
Que Deus nos abençõe a todos nós.
Um grande Abraço
Bete do Intercambiando a 12 de Setembro de 2012 às 17:42

Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
blogs SAPO