Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

04
Abr 11

Tenho falado lá no Intercambiando sobre meus novos amigos, jovens ( 16, 18 anos), e do quanto  tem me feito bem conviver com eles, e observar a gama de interesses e de talentos que os envolve!...Estudo com eles, os observo, e vejo neles,  vencedores!

 

Mas, este, que aqui posto um poema, hoje, Zé Zuppani, jovem também, não estudamos juntos!....Conheço-o pessoalmente, de uma única vez, mas seus trabalhos com fotografia, quando os recebo é sempre uma agradável surpresa...Imagens captadas por olhos experientes e talentosos.

 

Já publicamos aqui mesmo,  no Sabedoria, um trabalho seu!...Tem mais alguns trabalhos lá nas Mil e uma faces do Brasil , também!....Mas, aos que quiserem ver seu talento e da família toda ( pai e irmão), por completo, visitem o http://www.fotonatural.com.br  . Ah!...Ele tem um blog também http://infotoarte.blogspot.com/

 

Mas, vamos ao poema, que tenho certeza, gostarão!

 

O nome do poema é VEGETARIAMOS

                                                                                 

 

                                                                                           

sol,

tanto e grande sol!

fama de astro, de drama, em chama.

raios de energia, geração de vida no planeta estufa.

folhas e mais folhas. Verdes folhas molhadas de chuva!

lindos pedaços verdes de poderosíssima evolução. Da luz se faz

alimento aos bichos e nós...bichos. Frutificamos da energia solar.

verdadeiros frutos dessa copa hão de vir, é época. Porém, antes,

lindas flores a desabotoar; coloridas de delicadeza. Néctar

aos visitantes que de tamanha sede não percebem o que

estão a fecundar. Sim, os recomendáveis frutos

de nossa dieta. Lambuzados em suculência e

deliciado pelos frutos esquecemos suas

sementes ao chão. Germinam

novos troncos.

tronco casca,

seguro forte.

casca e látex,

seiva de lucro.

madeira de lei

sem lei. Início do

fim. Madeira imóvel

aos nossos móveis, um

eterno monumento à morte.

esperança! raízes filtram o caos,

a lama. água; terra; crianças. nossa

ultima raiz.

 

 

 

 Este é um de seus trabalhos fotográficos que gosto muuuuiiittto mesmo!

 

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 22:43

19
Out 10

No meio do caminho

No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.

Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.

 

Quero dedicar este poema de Carlos Drumond de Andrade, à minha filha e seus amigos desbravadores de "pedras no meio do caminho".Se quiserem ver suas aventuras deem uma expiadinha no  http://intercambiando.blogs.sapo.pt/26065.html   .

Este poema foi publicado  em 1928 na  modernista "Revista de Antropofagia", e muito criticado, então!

  

Dificilmente há quem não o conheça!...Talvez tenham sido as próprias críticas da época que o tenham marcado tanto!

Acabou virando uma marca registrada de Carlos Drumond de Andrade que, mais tarde, em 1967, acabou lançando um livro " Uma Pedra no meio do Caminho-Biografia de um Poema".

 

 

 

...Não é difícl encontrar quem não se identifique!!!

 

 

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 20:42

10
Set 10

 

Na pequena cidade onde vivo as pessoas conhecem-se quase todas entre si...

Faço esta reflexão, porque uma amiga encontra-se doente e hospitalizada...

Não será nada de muito grave, mas tenho recebido testemunhos de muitas amigas e amigos, alguns que nem conheço, mas preocupados e querendo saber como vão as desejadas melhoras...

 

Faz sentido aquela antiga melodia popular que diz...

 

...Na minha aldeia

Não há ódio, mas estima...

Tem-se amor pela vida alheia,

Todos são primos e primas...

publicado por Belisa Vaio às 22:15

02
Set 10

Domingo às 17:30 hs liguei para minha filha que mora em Curitiba, e ela me disse: Adivinhe onde estou?...Claro que eu jamais poderia imaginar que àquela hora ela estaria, no Cume de um morro.

Na verdade o passeio seria para o Pico Paraná, que é o 5º maior Pico brasileiro, o maior da região sul, e faz parte da cadeia de montanhas que compõem a Serra do Mar.... Mas como saíram um pouco tarde, acabaram ficando a 1/3 do caminho, no Morro do Getúlio. Isso tudo fica a mais ou menos 1 1/2 hora, de carro de Curitiba.

Imaginem se fiquei pouco aflita, pois dentro de meia hora já estaria tudo escuro.

Bem, mas pontos mesmo foi para o marido e a filha que ficaram em casa, esperando.....e sem reclamar!

publicado por Bete do Intercambiando às 16:33

20
Ago 10

 

O filho  que muitas vezes não limpa o quarto e fica vendo  televisão,

significa  que... 

está em  casa! 

 

 A desordem que tenho que  limpar depois de uma festa, 

significa  que... 

estivemos  rodeados de familiares e  amigos! 

 

 

As roupas  que estão  apertadas,

significa  que... 

tenho  mais do que o suficiente para  comer! 

 

O trabalho que tenho em  limpar a casa, 

significa  que... 

tenho  uma casa! 

 

 As queixas  que escuto acerca do  governo, 

significa  que... 

tenho  liberdade de  expressão! 

 

Não encontro  estacionamento, 

significa  que... 

tenho  carro! 

 

 Os gritos  das crianças, 

significa  que... 

posso  ouvir! 

 

 O cansaço  no final do dia, 

significa  que... 

posso  trabalhar! 

 

O despertador que me acorda  todas as manhãs, 

significa  que... 

estou  vivo! 

 

Se sofro uma  decepção

significa que...

ainda sei  amar!

 

Finalmente pela quantidade  de mensagens que recebo,  

significa  que...

tenho  amigos pensando em  mim!

 

 

 

 

 

' QUANDO   PENSARES  QUE  A  VIDA   TE  CORRE   MAL... 

LEIA   OUTRA  VEZ  ESTA  MENSAGEM !!!  ' 

 

 

DESCONHEÇO A AUTORIA, MAS QUERIA COMPARTILHAR COM VOCÊS

publicado por Bete do Intercambiando às 23:36

 

Sabendo que a nossa amiga Maria anda de férias pelo norte de Portugal, que eu também tanto amo, e que a nossa amiga Bete ainda não teve esse privilégio, pensei em dedicar-lhe algo especial que lhe abra o apetite para um dia vir até cá...

 

Hoje, e por estes dias, festeja-se em Viana do Castelo - lindíssima cidade do Minho - a romaria da Senhora da Agonia, protectora dos pescadores e da cidade.

Então, descobri esta apresentação no youtube, e, felicitando o autor, faço-a chegar, especialmente ao Brasil, à nossa amiga.

 

Quero frizar que repare no ouro que as mulheres usam ao peito. Tem uma razão de ser. É nesta região que existe a maior concentração de artistas/ourives e ourivesarias do país... É que foi dali que partiu a maior onda de emigraçao a caminho do Brasil, nos fins do séc.XIX... E o obectivo era...enriquecer...e muitos conseguiram...

 

Há outro pormenor, que aqui não é mostrado - creio eu - mas que considero interessante.
Nestes dias da romaria - a que já pude assistir por 3 vezes - reparei que os homens e mulheres da cidade e arredores, fazem gala em usar, no trabalho ou em passeio,  eles camisas típicas de linho e bordadas no peitilho, elas, brincos á raínha e ao peito, corações de Viana...

 


 


publicado por Belisa Vaio às 17:01
sinto-me:

09
Ago 10

Da sabedoria do Dr. Drauzio Varella. 

Para quem não o conhece, ele é um médico brasileiro, e tb um excelente escritor. Entre outras obras sua, ficou muito conhecida a Estação Carandiru, que até acabou virando filme. Eu, particularmente não assisti, pois é bastante denso, e só assisto filmes de "bolinhas cor de rosa", de preferencia com 150 bolinhas cor de rosa!

Tudo que ele escreve,pensa e fala é muito bom, e reproduzo aqui , uma entrevista dada por ele, infelizmente não tenho a fonte para citar.


 A gente tem um nível de exigência absurdo em relação à vida,  queremos que absolutamente
 tudo dê certo, e, às vezes, por aborrecimentos mínimos, somos capazes de
 passar um dia inteiro de cara amarrada.
 Quando um vizinho estaciona o carro muito encostado ao seu na garagem (ou
 pode ser na vaga do estacionamento do shopping). Em vez de simplesmente
 entrar pela outra porta, sair com o carro e tratar da sua vida, você bufa,
 pragueja, esperneia e estraga o que resta do seu dia.
 Eu acho que esta história de dois carros alinhados, impedindo a abertura da
 porta do motorista, é um bom exemplo do que torna a vida de algumas pessoas
 melhor, e de outras, pior.
 Tem gente que tem a vida muito parecida com a de seus amigos, mas não
 entende por que eles parecem ser tão mais felizes.
 Será que nada dá errado pra eles? Dá aos montes. Só que, para eles, entrar
 pela porta do lado, uma vez ou outra, não faz a menor diferença.
 O que não falta neste mundo é gente que se acha o último biscoito do pacote.
 Que "audácia" contrariá-los! São aqueles que nunca ouviram falar em saídas
 de emergência: fincam o pé, compram briga e não deixam barato.
 Alguém aí falou em complexo de perseguição? Justamente. O mundo versus eles.
 Eu entro muito pela outra porta, e às vezes saio por ela também. É incômodo,
 tem um freio de mão no meio do caminho, mas é um problema solúvel. E como
 esse, a maioria dos nossos problemões podem ser resolvidos assim, rapidinho.
 Basta um telefonema, um e-mail, um pedido de desculpas, um deixar barato.
 Eu ando deixando de graça... Pra ser sincero, vinte e quatro horas têm sido
 pouco prá tudo o que eu tenho que fazer, então não vou perder ainda mais
 tempo ficando mal-humorado.
 Se eu procurar, vou encontrar dezenas de situações irritantes e gente idem;
 pilhas de pessoas que vão atrasar meu dia. Então eu uso a "porta do lado" e
 vou tratar do que é importante de fato.
 Eis a chave do mistério, a fórmula da felicidade, o elixir do bom humor, a
 razão por que parece que tão pouca coisa na vida dos outros dá errado."
 Quando os desacertos da vida ameaçarem o seu bom humor, não estrague o seu
 dia... Use a porta do lado e mantenha a sua harmonia. Lembre-se, o humor é
 contagiante - para o bem e para o mal - portanto, sorria, e contagie todos
 ao seu redor com a sua alegria. A "Porta do lado" pode ser uma boa entrada
 ou uma boa saída... Experimente!
 

publicado por Bete do Intercambiando às 19:46

04
Ago 10

Em meu ultimo post no Intercambiando, entre outras coisas, disse que, precisamos reavaliar nossas vidas, perdoar e ter um coração mais puro e receptivo,

http://intercambiando.blogs.sapo.pt/16941.html e, coincidentemente, hoje, li um artigo na Revista Veja, falando exatamente sobre o perdão!

Entre as varias formas  como  ele é visto nas diversas religiões e civilizações a que mais me impressionou foi a das tribos Igbos da Nigeria e os Oromos da Etiópia, que creem que A PAZ SÓ PODE SER ALCANÇADA ATRAVÉS DO PERDÃO, PARA O QUAL NÃO É NECESSÁRIO O ARREPENDIMENTO DO AGRESSOR!

Eu proponho, ainda, um pouco mais:  Mesmo que seu coração não tenha perdoado, não deixe que isso lhe turve os olhos e deixe-a (o) cega (o) para ver as necessidades do outro!.......Esse ato pode modificar toda uma situação e uma vida!

Exemplo disso, tem lá um testemunho surpreendente de um empresário brasileiro Custodio Rangel Pires, que soube em 1989, pela Policia, da intenção de um detento em sequestrá-lo...Custodio foi fazer-lhe uma visita na prisão, e quando Ronaldo cumpriu sua pena, deu-lhe emprego em sua industria... Ronaldo sempre dizia que só sairia da vida do crime pela morte, ou pela prisão, mas que a visita do empresário mudou sua vida!...Hoje ele dirige uma Ong no Rio de Janeiro, que ajuda detentos, após cumprirem sua pena, a encontrar um emprego.

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 04:00

25
Jul 10

Ontem, minha amiga Belisa, falando sobre as "alcunhas", fez nos lembrar das peculiaridades de nossa pequena cidade de Ipeúna-SP-Brasil.

Como toda cidade pequena, o progresso por aqui sempre demorou muito a chegar, e até bem pouco tempo atrás ( uns 15 anos mais ou menos), não tínhamos supermercados, como se conhece hoje....Tínhamos as "vendas". Era a venda d'Oride, a venda do Cilico, a venda do Juca.

Das três, a que restou, a d'Oride, é hoje um ótimo supermercado, pertencente à rede Smart....Oride, Eurides, na verdade, infelizmente já faleceu. Os filhos é que tocam o Supermercado.

Mas, ainda hoje, quando se precisa de alguma coisa de lá, a gente fala:...Vou até a venda d'Oride!...E assim  será até que esta geração termine!!!!!

 

 

publicado por Bete do Intercambiando às 22:04

23
Jul 10

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONHEÇO UMA PESSOA QUE VAI FALAR :  "APENAS UM GATO"? (rsrsrsrsrsrs)

publicado por Bete do Intercambiando às 01:30

Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
subscrever feeds
blogs SAPO