Este é um blog aberto ao público, para que aqui deixe sua postagem a respeito do tema em seu país. Pode ser a Sabedoria Popular em qualquer área: Saúde, Beleza, Vida, Particularidades Culturais, Religião, Arte.

26
Ago 10

 

Como dirá a nossa amiga Bete - hoje,  bateu uma saudade de...carapaus de escabeche...

De facto, estão registadas na nossa memória as imagens, as cores e os odores daquelas coisas simples, e por isso mesmo tão fáceis de absorver, que marcaram a nossa infância e que, de cada vez que emergem, nos fazem sorrir e enviar um doce pensamento para quem já partiu...

E...hoje...passaram por aqui os meus avós maternos...Manuel e Maria...

 

Há 50 anos, lá em casa,  não havia frigorifico - frizer...

Tudo se conservava de acordo com a tradição, ou no sal, ou na banha de porco, ou no azeite (os óleos ainda andavam longe...), ou no vinho ou no vinagre!!!

E havia uma maneira muito gostosa de ter sempre peixe, pronto a servir em qualquer ocasião:frito e conservado em molho de escabeche...

Então, como recordar é viver ...nada como honrar a memória deles,  fazendo o mesmo:

 

Fritar carapauzinhos em azeite.

Reservar em prato fundo.

Entretanto juntar a esse azeite alguns dentes de alho cortados em lâminas,

uma cebola cortada em rodelas fininhas,

uma folha de louro aos bocadinhos,

um pouco de pimentão...

Depois de cozinhar uns minutinhos, juntar umas colheres de vinagre, tinto...

Salpicar com salsa picadinha.

Por fim, deitar o molho por cima dos carapaus...

Abanar o prato, para que eles se "encaixem" e o molho os preencha por igual...

Quantos mais dias passarem...melhor ficam...

 

Bom apetite!

publicado por Belisa Vaio às 14:30

24
Ago 10

[sao+bartolomeu+0.jpg]

 

Diz a lenda, que S. Bartolomeu nas suas andanças pelo mundo, retirou o diabo do corpo de um jovem doente, e depois aprisionou-o para que não fizesse mais estragos...

Na verdade, as imagens do santo, são disso testemunho...como era difícil segurar o mafarrico,  mostram-no acorrentado, para que não fuja!

Mas, santo é santo...e tolerante.

Então, num acto de benevolência, decidiu que, enfim...se ele se portásse bem...lhe daria um dia de liberdade...precária, claro: o dia 24 de Agosto...

Ora hoje é esse dia!

Por isso, cuidem-se, porque ANDA O DIABO À SOLTA !!!

Instala-se a desordem e acontecem fenómenos inusitados...

Cuidado com os ladrões e com as carteiras...

com chuvas, trovoadas e ventanias, mar alterado...que sei eu?...

Enfim...hoje, parece que nada corre bem, e há quem relacione tragédias acontecidas neste dia, à desordem que o diabo provoca, ao ver-se livre de S.Bartolomeu...

Será?...

 

 

publicado por Belisa Vaio às 09:11

18
Ago 10

 

 

Como dizia alguém...A Tradição já não é o que era...

Seja lá com que justificações forem...o tempo e os tempos estão mudados!

De facto, e para mim que continuo convictamente a acreditar na sabedoria popular, já estava a ficar um pouco cansada de um mês de Agosto tão quente, em todos os aspectos, seja pelo calor que vem do alto, seja pelas chamas de tantos incêndios...

Mas aí está! Não foi logo no dia 1 , mas,  finalmente acordei hoje com um dia cinzento, fresco, a chamar a nostalgia, a convidar à recolha do pensamento...

Eu sei...e para quem está de férias? O sol?, a praia? o mar?...e , penso eu, e o stress? Sim...porque , a maior parte das férias, são mais para cansar do que para descansar! Ou não? A maior parte das vezes, o regresso ao trabalho, à rotina, traz,  de facto, o descanso!!! Isto foi um à-parte...

Dizia eu...

Os antigos lá sabiam do que falavam quando nos deixaram esta mensagem...1º.de Agosto...1º.de Inverno...

Sim, porque é nesta altura do ano que se começa a preparar a chegada do inverno...

Quem ainda tem a benção de viver no campo, ecológico, biológico, sem pesticidas e afins,  sabe...

...que se começam a recolher as frutas e a guardá-las em camas de palha, em locais frescos e escuros...estou a lembrar-me das maçãs...das pêras...dos melões (havia de chegar sempre um a Dia de Natal!)...

...a ir pelos pinhais, carregar carros de lenha para alimentar lareiras no frio...

... a ceifar as searas e fazer as medas de palha com que se alimentam os animais no inverno...

... a levar cabras e ovelhas a pastar no restolho - as sementes que ficam caídas na terra depois das colheitas - e ajudam a dar um sabor especial ao leite de que se fará queijo (adoro o do Zambujal...)...

Que saudades...

É melhor ficar por aqui...

 

publicado por Belisa Vaio às 09:31

09
Ago 10

Da sabedoria do Dr. Drauzio Varella. 

Para quem não o conhece, ele é um médico brasileiro, e tb um excelente escritor. Entre outras obras sua, ficou muito conhecida a Estação Carandiru, que até acabou virando filme. Eu, particularmente não assisti, pois é bastante denso, e só assisto filmes de "bolinhas cor de rosa", de preferencia com 150 bolinhas cor de rosa!

Tudo que ele escreve,pensa e fala é muito bom, e reproduzo aqui , uma entrevista dada por ele, infelizmente não tenho a fonte para citar.


 A gente tem um nível de exigência absurdo em relação à vida,  queremos que absolutamente
 tudo dê certo, e, às vezes, por aborrecimentos mínimos, somos capazes de
 passar um dia inteiro de cara amarrada.
 Quando um vizinho estaciona o carro muito encostado ao seu na garagem (ou
 pode ser na vaga do estacionamento do shopping). Em vez de simplesmente
 entrar pela outra porta, sair com o carro e tratar da sua vida, você bufa,
 pragueja, esperneia e estraga o que resta do seu dia.
 Eu acho que esta história de dois carros alinhados, impedindo a abertura da
 porta do motorista, é um bom exemplo do que torna a vida de algumas pessoas
 melhor, e de outras, pior.
 Tem gente que tem a vida muito parecida com a de seus amigos, mas não
 entende por que eles parecem ser tão mais felizes.
 Será que nada dá errado pra eles? Dá aos montes. Só que, para eles, entrar
 pela porta do lado, uma vez ou outra, não faz a menor diferença.
 O que não falta neste mundo é gente que se acha o último biscoito do pacote.
 Que "audácia" contrariá-los! São aqueles que nunca ouviram falar em saídas
 de emergência: fincam o pé, compram briga e não deixam barato.
 Alguém aí falou em complexo de perseguição? Justamente. O mundo versus eles.
 Eu entro muito pela outra porta, e às vezes saio por ela também. É incômodo,
 tem um freio de mão no meio do caminho, mas é um problema solúvel. E como
 esse, a maioria dos nossos problemões podem ser resolvidos assim, rapidinho.
 Basta um telefonema, um e-mail, um pedido de desculpas, um deixar barato.
 Eu ando deixando de graça... Pra ser sincero, vinte e quatro horas têm sido
 pouco prá tudo o que eu tenho que fazer, então não vou perder ainda mais
 tempo ficando mal-humorado.
 Se eu procurar, vou encontrar dezenas de situações irritantes e gente idem;
 pilhas de pessoas que vão atrasar meu dia. Então eu uso a "porta do lado" e
 vou tratar do que é importante de fato.
 Eis a chave do mistério, a fórmula da felicidade, o elixir do bom humor, a
 razão por que parece que tão pouca coisa na vida dos outros dá errado."
 Quando os desacertos da vida ameaçarem o seu bom humor, não estrague o seu
 dia... Use a porta do lado e mantenha a sua harmonia. Lembre-se, o humor é
 contagiante - para o bem e para o mal - portanto, sorria, e contagie todos
 ao seu redor com a sua alegria. A "Porta do lado" pode ser uma boa entrada
 ou uma boa saída... Experimente!
 

publicado por Bete do Intercambiando às 19:46

31
Jul 10

publicado por Bete do Intercambiando às 05:14

10
Jun 10

 

 

 

Belisa e eu nos conhecemos aqui através de nossos blogs e uma amizade cheia de afinidades nos aproxima a cada dia!...

Resolvemos criar este novo Blog, onde pretendemos conhecer novas pessoas, e um pouco de suas culturas em torno da sua Sabedoria Popular.

Belisa é Portuguesa de Cantanhede, eu brasileira de Americana-SP.

Estava eu, um dia andando pelas ruas de Santos, onde então residia, e um papel voava à minha frente, à ponto de parecer que vinha até mim. Não tive dúvidas e juntei-o e tive uma agradável surpresa. Era um panfleto da Fraternidade Rosacruz, que é uma doutrina cujo objetivo é o desenvolvimento humano, respeitando as individualidades e melhorando seu espírito de fraternidade.

O panfleto falava, entre outras coisas, sobre a Caixinha da Prosperidade, que achei algo muito útil e desde então passei a utilizá-la, e vou tentar reproduzir aqui.

 

 

"Tome uma caixinha qualquer e escreva nela Caixinha da Prosperidade.Todos os dias num determinado horário, de preferência sempre no mesmo, deposite ali uma quantia qualquer, que não lhe onere o orçamento e não vá lhe fazer falta. Sente-se confortavelmente e procure limpar seus pensamentos, de preferência não pensar em nada, mas como isso não é fácil, concentre-se em algum pedido que gostaria de fazer ao Cosmos. Permaneça assim por uns 15 minutos. Lá não falava, mas eu gosto de acender uma vela e pensar em Jesus, ver sua luz me aquecendo e iluminando as pessoas que amo. No panfleto deixava claro que não se deveria fazer nenhuma analogia com o dinheiro depositado e o pedido a ser feito.

Faça isso por 45 dias, após o que o dinheiro deverá ser doado a alguém que necessite ou uma Instituição, pois, segundo eles, o dinheiro deve "circular" para que tenha seu propósito e traga resultados positivos às pessoas".

 

 

Não saberia dizer se realmente me trouxe prosperidade, mas toda vez que faço a "caixinha" sou inundada por um "mar de coisas boas", que vão desde paz de espírito, satisfação nos relacionamentos, e, até, porque não, uma melhoria significativa em minha vida financeira.

 

Espero que gostem e venham a contribuir cada um com sua Sabedoria!

publicado por Bete do Intercambiando às 23:46

Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


links
PESQUISAR
 
VISITANTES

contador de visitas
NOSSOS AMIGOS
blogs SAPO